.posts recentes

. Outro blog

. Anjos

. Regresso

. Máscaras e Mesquinhez

. Parábola da Rosa

. Mais uma vez - A Amizade!

. Tio

. Romantismo

. Blog

. Carlos Paredes

.arquivos

. Março 2005

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

Sexta-feira, 27 de Fevereiro de 2004
Versos Perdidos

Peguei numa folha de papel
Para te dedicar um poema
Senti um gosto a fel
Por não encontrar um tema

Quando para mim caminhas
Sinto o Universo colorir
Tocas o meu rosto e me acarinhas
Todo o meu ser fica a sorrir

Na noite se solta a tua alma
De dia abro o meu coração
Enquanto viajas com toda a calma
Eu sonho com o toque da tua mão

Com o dia a chegar ao fim
Aproxima-se a minha ausência
Quando a noite terminar para ti
Iniciar-se-á a minha permanência

Voei nas asas do vento
Em busca do teu olhar
Mas parei por um momento
E fiquei presa naquele lugar

Numa floresta verdejante
Um passarinho me sussurrou
Se seguires para diante
Encontrarás o que não ficou

Como dois navios em mar alto
Também nós nos cruzamos
Por momentos e em sobressalto
Apenas vemos o que sonhamos

Iluminas a minha manhã
Neste dia cinzento
Teus versos são meu talismã
Tuas palavras meu tormento

Viajei pela noite à tua procura
Mudaste o rumo do teu caminho
Sinto nos lábios esta secura
De quem não teve o teu carinho

Soltaste o meu nome num grito murmurado
Deixei vaguear o pensamento p'ra te responder
Com palavras escritas em pranto derramado
Com sussurros mudos de bem querer

Tantos caminhos percorridos
Tantos sonhos encontrados
Alguns estão já esquecidos
Outros ainda não estão sonhados

Nasci, cresci, vivi e morri
Mudei o rumo da minha vida
Neste percurso por ti me perdi
Saberei encontrar a saída?

publicado por Anjo do Sol às 22:31
link do post | comentar | favorito
|
11 comentários:
De Anónimo a 29 de Fevereiro de 2004 às 20:32
---->carlos: obrigada pela tua visita, volta sempre. E já fui espreitar o teu bloguinho. BjAnjo Do Sol
(http://mywords.blogs.sapo.pt)
(mailto:anjodosol@sapo.pt)
De Anónimo a 29 de Fevereiro de 2004 às 20:31
---->IceBlackIce, meialua, sofia e morronoaltardeti: mais uma vez obrigada pela vossa vivita e palavras. Bjinhos Anjo Do Sol
(http://mywords.blogs.sapo.pt)
(mailto:anjodosol@sapo.pt)
De Anónimo a 28 de Fevereiro de 2004 às 22:02
---->Kriska: obrigada pela tua visita ao meu cantinho. BjAnjo Do Sol
(http://mywords.blogs.sapo.pt)
(mailto:anjodosol@sapo.pt)
De Anónimo a 28 de Fevereiro de 2004 às 20:21
Mt bom como ja nos habituaste :D
**IceBlackIce
</a>
(mailto:blackice@megamail.pt)
De Anónimo a 28 de Fevereiro de 2004 às 19:52
---->AcasoDasLetras: acredita que faltam razões para sorrir. No entanto, o sorriso permanece, mesmo que não seja o espelho da alma. BjAnjo Do Sol
(http://mywords.blogs.sapo.pt)
(mailto:anjodosol@sapo.pt)
De Anónimo a 28 de Fevereiro de 2004 às 17:42
ola amiga, gostei da poesia....e á pergunta final espero que encontres uma saída....existe sempre....beijitosofia
(http://semsentido.blogs.sapo.pt)
(mailto:scamuflada@sapo.pt)
De Anónimo a 28 de Fevereiro de 2004 às 17:01
~Consegui sentir o k o poema quer transmitir...isso e porque o poema é bom não é? :) jksKriska
(http://www.inside.blogs.sapo.pt)
(mailto:de_kadentia@hotmail.com)
De Anónimo a 28 de Fevereiro de 2004 às 12:22
Olá miguita, ;) ja consigo ver tudo bem!! ;o) Gostei muito da poesia. Beijokasmeialua
(http://recortesaoluar.blogs.sapo.pt)
(mailto:a_meialua@sapo.pt)
De Anónimo a 28 de Fevereiro de 2004 às 11:58
gostei !
http://sentimentosde.blogs.sapo.pt/carlos
(http://sentimentosde.blogs.sapo.pt/)
(mailto:carlos_999@sapo.pt)
De Anónimo a 28 de Fevereiro de 2004 às 11:52
lindo, gostei muito...bjsmorronoaltardeti
(http://vidaeterna.blogs.sapo.pt/)
(mailto:zargarida@hotmail.com)

Comentar post

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Março 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
blogs SAPO
.subscrever feeds